segunda-feira, 31 de janeiro de 2011

No silêncio da noite e no barulho da solidão

Não posso te ver, mas sei que está aqui...
Me faz companhia todas as noites...
Apesar de invisivel, me causa uma dor tamanha,
Sentida pelo coração e pela alma...
Meus sentimentos escorrem pelos olhos...
Sinto o coração bater mais lentamente a cada momento
Você me sufoca e ao mesmo tempo me conforta...
Afinal, nunca me deixa só, és minha companheira todas as noites...
Antes só, do que mal acompanhado, já diz o ditado,
Mas tem horas que incomoda, gritar, e perceber,
Que apenas minha consciência escuta...
Solidão, grande companheira, espero que ao menos você,
Não me abandone, quando eu mais precisar...

segunda-feira, 24 de janeiro de 2011

Saudades

Se foi e nem se quer me disse adeus...
Me teve, e depois simplesmente me deixou...
Levou de mim, os abraços, as horas de conversas jogadas fora e por que não os beijos?
Ah, os beijos!!! Os teus são os melhores que já conheci em toda minha vida...
Eu só queria um instante à mais junto de você, e você teve que partir...
Não se importou com lágrimas, tristeza e dor...
Por que se preocupar não é mesmo? Não é você que está sentindo, o que estou sentindo...
Vontade de conhecer a escuridão, deixar que tudo vá para o espaço...
Mas, um dia eu me recupero, afinal...
Vindo de você, nem a tristeza vale a pena...
Eu vou chorar por hoje, e você irá sorrir por um segundo...
Mas, um dia quando lembrar de mim, tudo que as lembranças te trarão...
Serão os bons momentos que passamos juntos, e que nunca mais irão voltar...
E então, esse sorriso virará angústia, medo, dor...
Então se dará conta, que nunca mais terá em sua vida, o meu imenso amor...

Doce como o vinho...

Mulheres são os seres mais perfeitos que Deus pôde criar...
Admiro e aprecio todas as mulheres por sua graça, charme e extravagância
Mas, as que me fascinam são as mais experientes, essas sim chamam minha atenção...
Me dão o mundo num abraço, me levam ao céu num beijo e me fazem conhecer o Universo, na hora do...
Bom, convenhamos que nem tudo deve se falar, ou escrever...
Fica por conta de tua imaginação, o restante daquela frase...
Tudo que essas mulheres experientes pedem, é amor, nada mais, elas não se importam com seu status social
O que importa é dar a elas carinho, afeto, atenção, amor, e assim você será muito retribuído...
Ah, me embriaguem com seu doce lindas mulheres vividas, me ensinem o quão bom é viver, nos teus braços, nos teus afagos...
Saberei retribuir-lhes muito bem, com beijos, carícias e tudo que tiver direito, apenas me amem...
Apenas isso que peço: Amor
E retribuirei humildemente com amor...
Afinal, qual ser humano não necessita de amor?

quinta-feira, 20 de janeiro de 2011

"Diários de motocicleta"

Acelero minha moto, e minha respiração se agita
Atravesso toda América, e faço a revolução
Revolução de idéias, revolução de conceitos
Levando um pouco de humanidade, a todos esses "descobertos" abandonados...
Avanço e conheço o charuto cubano...
Armo uma guerra civil, pela igualdade, e tomo o poder...
Depois de conquistado esse lugar, por que não, ajudar o povo da "coca"...
Nunca deixarei de lutar, pelos nossos ideais, mesmo que pareçam impossíveis...
Infelizmente, o poder é que manda, e então, fizeram meu dia escurecer...
Mas, mesmo assim, sei que não é o fim, pois:
"Os poderosos podem matar, uma, duas, três rosas, mas jamais poderão deter a primavera..."

Áries - O signo dos extremos

"Ariano não bate na porta, ele arromba..."
Assim diria Cazuza...
Áries, é o signo do poder, do saber...
Mas, ao mesmo tempo, é o signo da fragilidade,
Que sozinho entre as paredes de seu quarto,
Sente medo, chora, morre mais a cada dia por aquele amor perdido...
É o signo da explosão, da ira, do sentimento exagerado,
Que ama até as últimas consequências, mas que pode odiar, como ninguém nunca odiou...
Assim é o ariano, dê todo carinho do mundo a ele, e receba todo carinho existente no universo...
Dê indiferença e ganhe uma inimizade, por toda eternidade...

terça-feira, 18 de janeiro de 2011

Lágrimas de Sangue

Apunhala meu peito com uma dor incessante, me faz querer morrer
Por não ter a chance de tocar teus lábios...
Fico me perguntando, se o pecado que cometi, foi te gostar tanto
Por que maltrata, esse pobre coração, que bate disparadamente ao te ver?
Que mal fiz à você?
Me dá todo seu doce, a cada palavra que você me diz, mas escurece meu viver
Ao ver aquele retrato, que me faz padecer...
Essa ferida eu sei que um dia irá se fechar, e que as cicatrizes vão me trazer à ira
E, não lembranças! E que minhas lágrimas, serão todas, uma por uma,
De ódio de sentir o que estou sentindo! Sentir vontade de chorar por alguém que me faz falta, mas que nunca me pertenceu...
Estou juntando os pedaços da minh'alma que restaram, depois de ver aquele retrato...
E escorrem lágrimas de sangue, sobre meu rosto, que me fazem suspirar...
Tiro minha máscara, me deito, e espero que pelo menos em sonho, possa te encontrar no conforto dos meus braços...

Maktub

Como eu queria pensar mais em mim, e esquecer do mundo
Mas, quanto mais penso em mim, mais quero pensar no mundo
Minhas dores que você não vê, e que fazem sangrar a minh'alma
Me fazem esquecer de quão maravilhoso é ouvir os pássaros cantando
Que lindo!!! Amanheceu, eu acordei pensando em você...
Lembrando dos planos que fizemos juntos, do quanto éramos felizes
Que pena anoiteceu, e estou abraçado à solidão, que insiste em me prender
O céu já não é mais azul, as flores murcharam, se foi e nem disse adeus...
Nós juramos que tudo iria ficar bem, mas de repente tudo escureceu
Maktub!!! Estava escrito!!! Seria um grande início, mas o final seria uma grande tragédia digna de Shakespeare
Vou conviver com a dor, mas vou levar pra sempre, as lindas lembranças desse sentimento que um dia chamamos de: AMOR

segunda-feira, 17 de janeiro de 2011

Don Juan, perdido na época errada

Adoro sentir a macia pele de uma bela mulher, se entrelaçando ao meu corpo
Enquanto eu bebo o doce mel de seus lábios, e com minhas mãos afago, suas lindas curvas
Ela se derrete ao receber um lindo buquê de rosas, com um lindo cartão, dizendo:
"Flores, para mais linda flor, que eu poderia encontrar nesse imenso jardim chamado Terra"
Faço música pra ela, e digo que é a mulher da minha vida, e que velaria seu sono, por toda a eternidade
Me deliciando a cada minuto, com toda sua beleza, até que ela se esquive do sono profundo....
Como é esplendoroso, dar carinho a alguém, que precisa de carinho, ver que isso era tudo que ela precisava
Ela vem até você e não pede nada em troca, apenas carinho...
Isso é o que ela precisa, isso é tudo que precisamos, então vamos nos dar carinho e sermos felizes
Faça isso, siga as dicas desse Don Juan, que vos fala, e façamos um mundo melhor...

"O Brasil, é país do futuro!!!"

Enquanto houverem políticos corruptos, que tiram nosso pão de cada dia
Enquanto houverem pessoas morrendo de fome...
Enquanto houverem crianças mendigando por uma prato de comida...
O Brasil será o país do futuro!!!
Com tantas riquezas, mas com tantas pessoas passando necessidades...
O Brasil NUNCA será um país desenvolvido...
Enquanto pensarmos, apenas no nosso umbigo, e não no próximo, seremos somente mais um país e não uma nação
Eu tenho o sonho de ver todos sorrindo, enquanto vemos o entardecer todos juntos...
Ver uma política mais séria voltada para o povo, buscando o bem de todos...
Sonho com o dia, em que possamos dizer, que:
O Brasil é o país da realidade!!!!

Desejo

Ah, se pudesse te dizer tudo que eu sinto, tudo que eu quero, tudo que espero...
Mas, sei que o futuro a Deus pertence, e que tudo pode acontecer...
Nossos mundos serão um só, tenho certeza que isso irá acontecer...
Seu olhar tão meigo, seu charme inconfundível, beleza rara, me fazem estremecer só de pensar em ti
Gostaria de estar falando essas palavras ao pé do seu ouvido, mas obras do destino, me impedem de fazer isso no momento...
Ah, por que você foi se entregar? Por que?
Eu quero ter você, por todo instante, mas no momento não é possível...
Um dia, eu vou te encontrar e te dizer isso tudo, que está cravado em meu peito...
Além de um lindo e sonoro:
AMO VOCÊ

sexta-feira, 14 de janeiro de 2011

Autorretrato

Que sujeito eu sou, que não gosta das futilidades do mundo, da briga por status, e um pouco mais de estrelismo?
Que convive com a solidão, mesmo sentindo que sua alma sangra de tristeza, por isso?
Que não entende como alguém, pode ser feliz com a desgraça alheia, que procura apenas fazer o melhor de si, para os outros, sem importar a quem, mesmo que em troca ganhe ingratidão?
Ah, sou apenas um idiota, que todos admiram, ou criticam, pelos simples fato, de ser diferente de todos aqueles que são iguais...
Que vive cheio de dúvidas, mesmo quando tem a resposta à mão. Que tem sentimentos como qualquer um, mas expressa de maneira de diferente. Que sofre por ser incompreendido, maltratado, humilhado, mesmo que indiretamente...
Sou simplesmente um homem perfeito em meus defeitos, mesmo que isso não transpareça a ninguém, quando meu lado altruísta se revela, e me mostra o quanto nós humanos, perdemos a chance de sermos, um pouco mais humanos, e menos selvagens, com o próximo, e conosco mesmo...
Um dia, quero ao menos encontrar a felicidade, nem que seja por um breve momento, antes que minha alma se canse, e perca de vez os sentidos, quando anoitecer a vida...

quinta-feira, 13 de janeiro de 2011

Sonho antes do anoitecer

Como é lindo ver o dia amanhecer, e esquecer de tudo que existe
Esquecer das guerras em que não existem vencedores, existem apenas comandantes traidores.
Eles não vão morrer por você, por que você morreria por eles?
Gastando milhões com guerras, enquanto há pessoas morrendo de fome por falta de míseros trocados.
Ver pessoas morrendo, isso é humano? Divino? Ou selvagem?
Era por isso que meus heróis gritavam! Pra ajudar toda essa gente que sofre nas mãos de poucos idiotas poderosos...
Vamos celebrar toda essa estupidez capitalista! O que vale é o poder, e não o ser humano. Com poder, eu compro você, com você, eu não compro nada.
Que se foda, o petróleo, eu não quero ver minhas mãos cheias de sangue inocente, eu não quero mais, ver esse mundo azul cada vez mais vermelho, por causa de guerras, fúteis, sem sentido...
Quero ver crianças, chegando ao entardecer, sabendo o significado da palavra amor, ver o mundo, perder todo seu rancor...
Me esquecer de lembrar, num futuro não muito distante, que um dia existiram guerras, e que hoje, somos muito mais do que pessoas, países, somos um mundo, que aprendeu a viver em paz, num mundo de sangue e dor...

sábado, 8 de janeiro de 2011

As dores de um mundo perdido em pranto

Ah, como é a vida!!! Entregue seu mundo, e ganhe em troca, Dor, simplesmente
Ás vezes penso, o quão bom é, estar na companhia da solidão...
Ninguém além de sua consciência, pra lhe decepcionar, isso  já é dor o bastante...
Mas fazer o que? Não fomos feitos pra sermos sozinhos, temos que encontrar a nossa alma gêmea, nem que seja, por alguns segundos, alguns beijos e abraços...
Que lindo seria o mundo sem solidão! Todos sorrindo, todos se abraçando, todos se amando... Mas, não é assim.
Por quantas vezes, nos pegamos chorando, por alguém que não merece, nem um pingo de nossa tristeza...
Se você nunca sofreu ou viveu algo assim, devo lhe chamar de privelegiado, pois sabe viver a vida sem a dor, sem sofrimento causados por esse tal de amor...
Um dia, eu, você, nós, aprendemos ou não, a sermos felizes, sem ter de passar por esse purgatório, que vivemos todos os dias, quando estamos apaixonados...
Vamos brindar, essas dores de um mundo perdido em pranto, com veneno, vinho e dor, pra quem sabe, esquecer que um dia choramos por amor...

sexta-feira, 7 de janeiro de 2011

Nem todas as mulheres merecem flores e música

Ah! Mulheres! Como viver sem?
Elas te deixam maluco, fazem seu mundo sair de órbita, além de deixar-te sem jeito ao ver aquele jeitinho tão doce, que te deixa suspirando por horas!!!
E pergunto-me pra quê?
Mulheres reclamam o tempo todo, que homens não são românticos, que não sabem conquistar uma mulher a cada dia que amanhece. Mas, será que todas as mulheres merecem flores e música?
Exemplo de um certo rapaz, louco por uma certa moça...
Ao conhece-lá, vidrou em seus lindos olhos azuis, tudo que bastava a ele, era apenas estar ao lado dela, nem que fosse por um segundo, isso já o faria ganhar o mundo, sair sorrindo, e sonhar com ela ao deitar, e querer que seus sonhos se repetissem em realidade...
Então, esse pobre rapaz, manda-lhe lindas rosas vermelhas, acompanhadas de um cartão, que continham essas palavras: "De um grande amigo seu, com muito carinho. Beijos e abraços."
Ela foi ao céu e voltou, disse que foi um lindo presente e que era muito especial... Ele disse que achava aquele presente, tão simplório, para tanto encanto e beleza, que tinha visto nos olhos tão lindos daquela moça...
Não satisfeito, por ter dado apenas flores àquela "deusa" de olhos tão atraentes, quanto o brilho das estrelas, ele resolve fazer uma música pra ela...
Ela recebe a música, e diz que é linda, e que ele deve ter feito pra moça, que ele está gostando... Ele diz que sim, que realmente foi feita para moça, que ele sonha em ter nos braços, e que essa moça, achou linda sua música...
No último dia do ano, passam o dia juntos (como amigos), ele a ajuda a escolher a roupa com que ela vai passar a virada de ano novo. E no fim da tarde, ele vai embora, e diz a ela que provavelmente irá a virada de ano na rua, e que se for, manda um sms a ela...
Mas, algo o fazia pressentir, que isso não seria boa idéia, que o melhor era ficar em casa com a família, e não ir a virada de ano na rua, que alguma coisa catastrófica iria acontecer (depois apenas as mulheres tem sexto sentido né?)
Ele passa a virada de ano, junto à família, e depois segue à praça, para encontrar a sua amada...
Ao encontra-lá, passa por uma das maiores decepções de sua vida, ele a encontra nos braços de outro...
Grande forma de passar o ano não? Aquela "deusa", que ele mandou flores, e fez música, agarrada a outro, como se o seu admirador e amigo, não existisse...
Mas, ele se conforma não é a primeira vez, que o coração o engana. Ele já está calejado, de tantas moças fúteis, que não ligam pra romantismo, o que o cara precisa ter apenas, é um meio de locomoção, que a permita transitar, de balada em balada, todos os finais de semana, e pobre daquele rapaz, que mal anda a pé... Afinal, que moça hoje em dia, gosta de passeio de mãos dadas, à luz da lua?
Então, respondam-me:
Todas as mulheres merecem flores e música?
Ocorreu um erro neste gadget