sábado, 13 de outubro de 2012

Sentimentos

Amor e dor
Tão distintos e tão próximos
Felicidade e tristeza
Faca de dois gumes que não sabe cortar
Vida e morte
Tudo muda em um minuto
E nada acontece em 24 horas
Quanta dor, quanto amor
E você o que fez?
Desistiu do amor, causou dor
A quem sempre te quis
A vida é assim mesmo
Quem disse que não seria?
Não existe amor sem razão
Não existe razão sem amor
Não existe vida pós amor
Não existe nada sem amor

Um comentário:

  1. Seu blog é óptimo,gostei dou-lhe meus parabéns.
    Com votos de grandes vitórias.
    PS. Se desejar fazer parte dos meus amigos virtuais, faça-o de forma a que possa encontrar seu blog para segui-lo também.
    Sou António Batalha.

    ResponderExcluir

Ocorreu um erro neste gadget